Ebserh ganha destaque em avaliação de governança do Ministério do Planejamento

Com apenas 6 anos de existência, a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) demonstrou nesta sexta-feira (23) a efetividade e o aperfeiçoamento das suas práticas de governança, transparência, gestão de riscos e controles internos ao receber do Ministério do Planejamento o certificado nível 2 do Indicador de Governança (IG-SEST). A iniciativa, que está na sua 3º edição, realiza um acompanhamento contínuo da governança das empresas estatais federais de controle direto da União.
 
A Ebserh foi uma das três estatais apresentadas como destaque, por ter alcançado acréscimo superior a '2 pontos', em comparação com a avaliação anterior, feita no primeiro semestre deste ano. A estatal saltou de uma nota de 2,14 para uma de 6,87, representando um crescimento de 221%.
 
"Essa avaliação mostra que mesmo sendo uma empresa nova já criamos, aperfeiçoamos e implantamos efetivamente processos em busca de uma melhor gestão e transparência nos hospitais universitários federais. Vamos continuar trabalhando para aumentar ainda mais o índice", analisou o presidente da Ebserh, Kleber Morais.
 
Para ter este aumento, a Ebserh, sob coordenação da área de gestão estratégica, conta hoje com diversas ações estruturadas e com efetivo funcionamento, tais como um  programa de integridade, política de divulgação de informações e de porta-vozes, carta anual de governança corporativa, código de ética e conduta (com treinamento para os funcionários sobre ética), gestão de riscos e controles interno, com uma área destinada para este fim e política sobre o tema, informações sobre remunerações dos dirigentes, auditoria com análises trimestrais, informações sobre orçamento e finanças, estatuto social e regulamento interno de licitações e contratos, dentre outros.
 
Na avaliação do estudo, os Níveis 1 e 2 indicam boas práticas de governança nas estatais.
 
Os dois primeiros ciclos tinham um viés de verificar a conformidade das empresas com a governança, ou seja, olhar se os indicadores estavam sendo implementados. Agora, no terceiro ciclo, estamos medindo a efetividade", disse o Ministro do Planejamento, Esteves Colnago.
 
REGULARIDADE
 
A cada três meses, a Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (Sest/MP) mede as melhorias nas empresas estatais utilizando como instrumento de controle contínuo o Indicador de Governança – IG-Sest.  A metodologia aplicada é composta pelas seguintes dimensões: gestão, controle e auditoria; transparência das informações e, por fim, conselhos, comitês e diretoria. Segundo a metodologia, a partir de resultados apresentados no período são aferidas notas de classificação e certificação da empresa.
 
Coordenadoria de Comunicação Social da Ebserh, com informações do MPOG